Terreiro de Umbanda do Pai Maneco, sexta-feira, 18 agosto de 2017

Qual o Legado da Umbanda

Qual o legado da Umbanda?
Claudio Henrique de Castro

Pode ser as curas que realiza? Os passes? A união das famílias? A superação das negatividades? As desobsessões? O desenvolvimento da paz e do amor? As soluções individuais dos atendimentos oraculares? O conhecimento espiritual? A ideia da reencarnação? O culto aos índios, pretos velhos e outras entidades humildes e serenas que comandam as linhas que nos ajudam? A consolidação do agrupamento espiritual chamado Aruanda? As alterações ou mudanças no clima? As previsões de fatos relevantes para a humanidade? Os benzimentos?
Há algum legado que não sabemos, o fato do os espíritos desceram na Terra, nas sessões e giras contribui para fatos ou eventos que ainda não sabemos?
Assim como o legado dos governos militares e ditatoriais deixaram o Brasil sem democracia por décadas. Assim, como a ausência de investimentos na Educação e Saúde e os desvios nas finanças públicas geram uma série de males na sociedade, assim como as gestões das empresas e do Estado alteram profundamente na vida das pessoas. As religiões também interferem nas vidas das pessoas, das famílias e da sociedade.
A Umbanda pode contribuir para a superação dos preconceitos? Pode contribuir para atenuar o carma das pessoas? Pode nos dotar de um entendimento simples e objetivo do viver humano? Pode melhorar o convívio social entre as classes sociais? Pode superar as misérias espirituais que nos habitam?
Como o contato com eventos espirituais pode melhorar as pessoas?
Qual o tamanho e a dimensão das forças e energias que estão presentes num terreiro ou numa sessão espírita?
Como desvendar ou descobrir os legados da Umbanda?
Estamos preparados para os seres de luz que nos visitam nos terreiros?
Estamos dispostos ao convívio de uma sociedade sem conflitos, sem desavenças, em que todos se amem e se respeitem? Onde o livre arbítrio de uns respeita os de outros?
A neutralização dos instintos hostis passa por uma longa caminhada, talvez seja o legado maior.
Entendamos o conteúdo dos pontos cantados, simples e que espelham a necessidade do caminho da paz e da evolução das condutas éticas e morais do respeito.
Como vamos contribuir para uma sociedade fraterna sem as carências visíveis e invisíveis que afetam o país e o mundo?
Pensemos em nosso legado!
 

Categoria: Espaço do Médium.

Bandeira da Amizade