Terreiro de Umbanda do Pai Maneco, domingo, 21 janeiro de 2018

UMBANDA NA PEDREIRA PAULO LEMINSKI

Bárbara Dissenha

Uma das características fortes da Umbanda, religião declarada como patrimônio imaterial em várias regiões do Brasil, é a música. Seu ritual é celebrado através das batidas dos atabaques, na melhor expressão da cultura popular brasileira e por esta razão, celebrar a gira no palco da Pedreira Paulo Leminski, principal cenário cultural de Curitiba, é tão importante.

Este é o terceiro ano consecutivo que acontece este evento, cuja inovação será a participação de todos os Terreiros de Umbanda que receberam a "Bandeira da Amizade", que significa a integração entre diversas Casas de caridade que praticam a Umbanda, religião que tem como uma das suas premissas o amor.

A Mãe Lucilia Guimarães, dirigente do Terreiro do Pai Maneco, afirma que "A musicalidade, a alegria e a fé caminham juntas na Umbanda que agrega o cristianismo através da caridade, do amor e da aceitação do outro como ele é, sem julgamentos".

A gira será realizada no dia 11 de junho das 10:00 às 13:00 horas e o acesso será controlado através das pulseiras, que serão vendidas na secretaria do Terreiro do Pai Maneco pelo valor de R$ 10,00, cuja arrecadação cobrirá os custos do evento.

Os carros poderão ser estacionados na arena da própria Pedreira.

O evento tem capacidade limitada, portanto garanta sua presença a partir desta sexta-feira, quando as pulseiras começam a ser vendidas.

Bandeira da Amizade