Terreiro de Umbanda do Pai Maneco, sábado, 25 março de 2017

Relação Espiritual, Material, Social e Profissional

A Umbanda é envolvente, misteriosa e leva muitas pessoas ao perigo do excesso quase chegando à beira do fanatismo. Um médium deve ter um equilíbrio em suas atividades, jamais deixando de cumprir suas obrigações sociais e profissionais e não viver todo o seu tempo cantarolando pontos de Umbanda e pensando em seus Orixás.

Tudo tem o seu momento certo e a religião deve ser vivida com absoluta harmonia com suas atividades cotidianas. Aos jovens recomendo continuar vivendo com seus amigos seja qual for a fé que eles tenham, não discutir a religião, ir aos cinemas, festas, fazer tudo que um jovem tem direito, inclusive estudar. Aos que têm família constituída, recomendo deixar as entidades no terreiro e em seu lar, embora com o coração sempre voltado para sua espiritualidade, vivam as vidas do cidadão comum. Já vi namoros, noivados, amizades e até casamentos se dissolverem pelo fanatismo.